Minas Gerais Pimentel e ex-chefe da PM são indiciados por obstrução de Justiça

Pimentel e ex-chefe da PM são indiciados por obstrução de Justiça

Segundo as investigações, militar é suspeito de vazar informações e movimentação de avião da polícia para ex-governador de MG

  • Minas Gerais | Ezequiel Fagundes, da Record TV Minas

Pimentel teria recebido informações de um militar

Pimentel teria recebido informações de um militar

José Cruz/Agência Brasil

A Polícia Federal em Belo Horizonte indiciou o ex-governador Fernando Pimentel (PT) e o ex-comandante da Polícia Militar de Minas, o coronel reformado Helbert Figueiró de Lourdes, por obstrução de Justiça.

Segundo a investigação, o militar é suspeito de vazar informações de ações da PF para o ex-governador do Estado, além de repassar dados sobre a movimentação de uma aeronave da polícia que veio de Brasília para BH.

Mensagens entre eles foram encontradas no celular do coronel reformado e no computador do petista, apreendidos em uma das etapas da operação Acrônimo, deflagrada em 2014 para apurar indícios de lavagem de dinheiro e caixa 2 eleitoral.

O inquérito conclusivo da PF foi encaminhado para Justiça Federal. O caso pode ser arquivado ou pode virar denúncia formal do Ministério Público.

Veja: Em depoimento, empresário reforça suspeita de caixa dois de Pimentel

Em junho do ano passado, a PF fez buscas no apartamento do coronel reformado, no bairro Lourdes, um dos endereços mais nobres de BH. Na ocasião, foram apreendidos documentos e equipamentos eletrônicos.

Resposta

Em nota, o advogado de Pimentel informou que a PF alega "é sobre informação de pouso de uma aeronave da PF em BH. Nada além disso. E que não se sabia o motivo desse pouso e muito menos que se referisse a essa ou aquela operação".

Em nota, a PM disse que por se "tratar de um policial militar aposentado os questionamentos com relação ao fato devem ser encaminhados ao militar ou à sua defesa". A reportagem solicitou a assessoria da PM o telefone do coronel reformado e aguarda resposta.

Últimas