Catadores motorizados

Dirigindo o caminhão

Dirigindo o caminhão

Reprodução/Record TV

Conhecer mais de perto esta turma foi incrível. Eles separa nosso lixo, enxergam valor no que é descarte, trabalham à beça e têm uma fortíssima veia empreendedora.

Estou falando dos catadores que vivem uma micro-revolução na cultura do trabalho. A tendência é substituir carroças por carros.

São velhos, como uma estética nada atraente, mas altamente úteis. E isso que importa.

Carros adaptados para carregar mais material reciclável. Agora, muitos desses visionários que o Brasil ainda vai enxergar melhor, dividem o peso do trabalho com um parceiro motorizado.

E muitos dizem que estão começando a ter progresso financeiro. Fico muito feliz. Porque a reciclagem, tão marginaliza, é uma incubadora de boas mentes que estão começando ou recomeçando a vida.

Deixo aqui duas reportagens que fiz para o Fala Brasil. Tá muito legal.

Últimas