Rio de Janeiro Vereador de Búzios (RJ) é alvo de ação contra falsificação de alvarás

Vereador de Búzios (RJ) é alvo de ação contra falsificação de alvarás

Lorram Gomes da Silveira é considerado foragido pelo MP-RJ após não ter sido localizado durante operação

O vereador Lorram Gomes da Silveira, em Búzios, na região dos lagos, é considerado foragido após não ter sido localizado, nesta quarta-feira (28), durante uma operação do MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) contra venda e falsificação de alvarás.

A operação Plastografos II apurou a instalação de um sistema de “venda de alvarás” envolvendo servidores públicos e despachantes atuantes em Búzios.

De acordo com depoimentos de testemunhas, era "praticamente impossível" a emissão de alvará no município sem o pagamento de vantagem indevida a servidores.

Lorram é suspeito de ter promovido, constituído, financiado e integrado uma organização criminosa que praticava corrupção passiva, uso de documentos falsos e estelionatos.

O MP-RJ pediu o bloqueio de bens do vereador no valor de cerca de R$ 9 milhões. A medida foi deferida pelo Juízo da 1° Vara da Comarca de Armação dos Búzios. As penas previstas somadas ultrapassam dez anos de reclusão.

A defesa de Lorram Gomes da Silveira não foi localizada. Procurada pelo R7, a Câmara dos Municipal de Búzios ainda não se manifestou sobre o caso. 

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas