São Paulo Bebê de 10 meses está entre mortos pelas chuvas na Baixada Santista 

Bebê de 10 meses está entre mortos pelas chuvas na Baixada Santista 

Fortes chuvas deixaram 21 mortos e 28 desaparecidos na região. Guarujá e São Vicente decretaram calamidade pública e Santos, emergência

  • São Paulo | Do R7

Entre desabrigados e desalojados estão 391 pessoas

Entre desabrigados e desalojados estão 391 pessoas

Divulgação/Corpo de Bombeiros

Um bebê de apenas 10 meses é uma das vítimas das chuvas que provocaram 21 mortes na Baixada Santista desde a madrugada de terça-feira (3). O corpo de Arthur Rafael de Lima está entre os 17 que já foram identificados e liberados para sepultamento, segundo informações divulgadas pela Defesa Civil na manhã desta quarta-feira (4).

Leia também: Moradores viram a noite em busca de soterrados na Baixada Santista

Outras três crianças estão entre as vítimas fatais, Allana Granero, de 3 anos, e Aliffer Adailton Granero, de 6 anos, e Esther Gabrielly Souza da Silva, de 11 anos. Há também um idoso de 86 anos, Moisés Elias Neto, que morreu engolido por uma cratera dentro de um asilo. 

As fortes chuvas deixaram também 28 pessoas desaparecidas. No município de Guarujá foram registradas 17 mortes e 21 desaparecimentos. Em Santos, há três mortos e cinco desaparecidos e, em São Vicente, um morto e dois desaparecidos.

Leia também: Bombeiros buscam por 5 pessoas da mesma família em Santos (SP)

O número de desabrigados é de 118 no Guarujá, três em São Vicente e 150 em Santos. Quanto aos desalojados computados, são 100 em Santos e 20 em São Vicente, de acordo com a Defesa Civil.

Últimas