Internacional

19/1/2013 às 18h05 (Atualizado em 19/1/2013 às 18h05)

Presidente francês apóia ataque a complexo de gás

Sem detalhes sobre a operação, François Hollande diz que não via possibilidade de negociação

Reuters

A abordagem da Argélia em relação à crise dos reféns em um complexo de exploração de gás no deserto parece ser a mais adequada porque não é possível manter negociações com o tipo de pessoas envolvidas no ataque, disse neste sábado o presidente da França, François Hollande.

— Nós ainda não temos todos os detalhes, mas quando há um número tão grande de pessoas sequestradas por terroristas com determinação tão fria e prestes a matar aqueles reféns, como eles fizeram, a Argélia teve uma atitude que, para mim, pelo que vejo, é a mais apropriada porque não poderia haver nenhuma negociação.

As forças especiais da Argélia lançaram um "assalto final" contra os islamistas que mantêm estrangeiros reféns em uma planta de gás no deserto argelino, matando 11 dos combatentes ligados à rede Al Qaeda, segundo a agência oficial de notícias do país, a APS. Sete reféns estrangeiros foram mortos por seus captores, informou também a APS.

Não há brasileiros entre os ameaçados no Mali e na Argélia

O que acontece no mundo passa por aqui

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade

Vitrine de ofertas

Publicidade

Compartilhe
Verde-amarelo contagiante

Bandeiras e camisetas do Brasil se espalham pelo mundo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Fé proibida

Conheça os países com maiores índices de perseguição religiosa

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Imagens do ano

Entre sorrisos e lágrimas: veja as imagens mais emocionantes de 2013

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Perturbador

Crimes brutais chocaram o mundo em 2013. Veja os casos mais macabros

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Internacional

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!