Internacional Temporais na França e Itália provocam estragos e morte

Temporais na França e Itália provocam estragos e morte

Fortes chuvas atingiram a região francesa dos Alpes Marítimos e também o outro lado da fronteira com a Itália, o Piemonte

  • Internacional | Do R7

Casa foi arrastada pela enxurrada no Piemonte (Itália)

Casa foi arrastada pela enxurrada no Piemonte (Itália)

Vigili del Fuoco/via Reuters

Fortes chuvas que atingiram o sudeste da França e a região do Piemonte na Itália, entre a noite de ontem e a madrugada deste sábado (3), provocaram estragos, deixaram ao menos uma dezena de pessoas desaparecidas e um morto.

Na França, autoridades falam em 11 pessoas ainda não localizadas na região dos Alpes Marítimos, depois que algumas cidades próximas a Nice registraram até 500 mm de chuva em poucas horas. Também houve vendaval e deslizamentos de terra.

Em entrevista à emissora de TV parisiense BFMTV, o chefe do grupo de operações dos Alpes Marítimos, coronel Alain Degioanni, ressaltou a dificuldade das buscas, já que "quanto mais o tempo passa, mais diminuem as chances" de encontrar os desaparecidos com vida.

O temporal também afetou também partes da Itália, onde um bombeiro voluntário morreu no Vale de Aosta.

Na região do Piemonte, havia 17 pessoas desaparecidas, segundo autoridades italianas. O jornal Corriere della Sera reporta ainda comunas inundadas na região, interrupção do tráfego ferroviário e 800 intervenções dos bombeiros.

O Piemonte foi a área mais afetada. Segundo a Agência Regional de Proteção Ambiental, o volume de chuva bateu o recorde histórico desde 1958, com 630 m na comuna de Limone.

A Lombardia, onde fica Milão, também registrou inundações e deslizamentos de terra.

Últimas