Minas Gerais Aulas do 3º ano do ensino médio voltam no dia 3 de agosto em BH

Aulas do 3º ano do ensino médio voltam no dia 3 de agosto em BH

Estudantes do 9º ano do fundamental voltam às salas na mesma data; novas flexibilizações serão avaliadas depois de 14 dias

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento e Célio Ribeiro*, do R7

Retorno do ensino médio foi autorizado pela PBH

Retorno do ensino médio foi autorizado pela PBH

Pixabay/Reprodução

As aulas presenciais para os alunos do 3º ano do ensino médio nas escolas da rede estadual localizadas em Belo Horizonte serão retomadas no dia 3 de agosto. Os estudantes do 9º ano do ensino fundamental também retornam às escolas na mesma data.

O anúncio foi feito pela SEE/MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais), após a prefeitura da capital mineira publicar o decreto que permite a abertura dessas instituições de segunda à sábado, sem restrições de horário.

Segundo o Governo de Minas, a macrorregião Central, que fica localizada Belo Horizonte, atualmente está na onda amarela do plano Minas Consciente. Por isso, a retomada de outros níveis de ensino, como o 1º e 2º anos do ensino médio e o ensino superior, só será avaliada 14 dias após o retorno das atividades do 3º ano. Belo Horizonte ainda não autorizou a volta das aulas no ensino superior.

O modelo híbrido de ensino seguido pelas escolas estaduais prevê a alternância entre uma semana de aulas presenciais e uma semana de aulas remotas. As instituições de ensino poderão organizar rodízios de alunos caso haja necessidade, respeitando o distanciamento mínimo entre os estudantes dentro da sala de aula.

A ida às atividades presenciais é facultativa, com cada família tendo o direito de decidir se o filho vai ou não à escola. Caso opte por ficar em casa, o estudante continuará tendo aulas pelo regime remoto. Segundo a SEE/MG, a direção da escola vai entrar em contato com os responsáveis para informar sobre a volta das aulas presenciais.

Até o momento, já foram retomadas as atividades presenciais do ensino infantil e do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. A previsão é que os estudantes do 6º ao 9º ano retornem às suas escolas no dia 5 de agosto. A flexibilização de outros níveis de ensino em Belo Horizonte dependem de um índice chamado Matriciamento de Risco. Para o retorno do ensino superior na capital mineira, a taxa precisa estar entre 91% e 100%. Atualmente, ela figura em 85%.

*​Estagiário do R7 sob a supervisão de Pablo Nascimento.

Últimas