Internacional

22/5/2013 às 00h24

EUA arrecadam mais de R$ 60 milhões para indenizar vítimas dos atentados em Boston

Dupla explosão ocorrida em 15 de abril matou três e feriu mais de 260 pessoas

Do R7, com agências internacionais

O menino Martin Richard, um dos mortos na Maratona de Boston Reprodução/huffingtonpost.co.uk

As vítimas do atentado à Maratona de Boston ganharam mais uma alternativa para serem indenizadas, segundo disse nesta terça-feira (21) a procuradora-geral do Estado de Massachusetts, Martha Coakley.

O Fundo de Indenização às Vítimas do Estado, administrado por ela, poderia prover R$ 50 mil a cada um dos atingidos na tragédia.

Martha, que está tentando aumentar a conscientização da população a respeito do projeto, disse que o fundo também poderia ajudar as pessoas que não conseguirem ser qualificadas em outro programa, o One Fund (Fundo Único, em tradução livre).

O One Fund foi criado pelo governador de Massachusetts, Deval Patrick, e pelo prefeito de Boston, Thomas Menino, depois das explosões do dia 15 de abril, que mataram três pessoas e feriram mais de 260.

A organização recebeu mais de R$ 60 milhões em doações de empresas e pessoas físicas.

Piloto do balão 'evitou tragédia maior na Turquia'

Internauta posta vídeo impressionante da formação do tornado que atingiu Oklahoma

Familiares apelam para as redes sociais para encontrar desaparecidos após tornado

As maiores indenizações serão destinadas às vítimas que sofreram danos cerebrais e amputações duplas, e também a membros das famílias daqueles que perderam a vida no ataque.

As outras indenizações serão baseadas na extensão dos ferimentos das vítimas, e também no tratamento médico recebido. Martha, no entanto, está preocupada que algumas pessoas caiam nas brechas do sistema e se sejam prejudicadas.

Segundo ela, o fundo estatal, por sua vez, poderia ajudar crianças que não foram feridas nas explosões, mas que podem precisar de atendimento psicológico por conta da terrível cena que presenciaram. Ou também poderia prover ajuda a espectadores do evento que não perceberam até dias depois que sofreram danos de audição.

Criado em 1967, o fundo estatal ajuda vítimas de crimes violentos. Ele foi fundado com o dinheiro vindo de sanções financeiras pagas ao Estado em condenações penais e subvenções federais.

As vítimas podem receber até R$ 50 mil, dependendo do custo dos medicamentos, serviços funerários ou outras despesas causadas por crimes violentos. Uma exigência é que os candidatos não sejam moradores de Massachusetts.

Cerca de cem pessoas já se candidataram ao fundo estatal, segundo disse Martha.

— Temos um padrão bastante amplo. Preferiríamos ser inclusivos a exclusivos, mas é fato que vetamos algumas pessoas.
O que acontece no mundo passa por aqui

Moda, esportes, política, TV: as notícias mais quentes do dia

  • Espalhe por aí:

Veja também

Todas as notícias
Publicidade

Vitrine de ofertas

Compartilhe
Verde-amarelo contagiante

Bandeiras e camisetas do Brasil se espalham pelo mundo

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Fé proibida

Conheça os países com maiores índices de perseguição religiosa

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Imagens do ano

Entre sorrisos e lágrimas: veja as imagens mais emocionantes de 2013

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
Compartilhe
Perturbador

Crimes brutais chocaram o mundo em 2013. Veja os casos mais macabros

  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Google Plus
  • Últimas de Internacional

  • Últimas de Notícias

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!