Internacional Manifestantes anti-imigrantes da Polônia espancam pedestre de pele escura

Manifestantes anti-imigrantes da Polônia espancam pedestre de pele escura

Agressão aconteceu durante protesto contra os planos do governo de aceitar imigrantes 

Manifestantes anti-imigrantes da Polônia espancam pedestre de pele escura

Manifestantes fazem passeata contra imigrantes da Síria e da África

Manifestantes fazem passeata contra imigrantes da Síria e da África

REUTERS

Manifestantes anti-imigração espancaram um pedestre de pele escura em Varsóvia, capital polonesa, antes de serem afastados por seguranças da própria organização do protesto. A agressão ocorreu neste sábado (12), segundo um fotógrafo da Reuters.

A manifestação foi organizada pelos grupos de extrema direita Ruch Narodowy e ONR, entre outros, para protestar contra os planos do governo de aceitar imigrantes da Síria e da África para aceitar exigências da Comissão Europeia.

O fotógrafo viu vários membros da manifestação, que reuniu milhares de pessoas, saírem da multidão e começarem a socar um pedestre de pele escura antes que os seguranças interviessem.

Guerra na Síria deslocará mais um milhão de pessoas este ano, diz autoridade da ONU

Os manifestantes gritaram "A Polônia inteira canta conosco", "Parem com a islamização da Europa" e obscenidades anti-União Europeia.

O porta-voz da polícia de Varsóvia, Mariusz Mrozek, disse que a marcha foi "calma e sem incidentes". Centenas de manifestantes que apoiam os refugiados fizeram uma demonstração separada na capital ao mesmo tempo.

Conheça o R7 Play e assista a todos os programas da Record na íntegra!