Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ucrânia 'sobreviveu ao inverno mais difícil da sua história', diz chefe da diplomacia

Estação mais fria do ano foi marcada por ataques russos contra instalações de energia que deixaram milhões sem eletricidade

Internacional|Do R7


Guerra entre russos e ucranianos teve uma escalada na violência durante o inverno
Guerra entre russos e ucranianos teve uma escalada na violência durante o inverno

O chefe da diplomacia ucraniana, Dmytro Kuleba, garantiu nesta quarta-feira (1º) que o seu país "sobreviveu ao inverno mais difícil" da sua história, marcado por massivos bombardeios russos que deixaram milhões de pessoas sem eletricidade.

"Nós sobrevivemos ao inverno mais difícil da nossa história. Estava frio e escuro, mas fomos inabaláveis", disse Kuleba no Facebook.

"A Ucrânia superou o terror do inverno", acrescentou o ministro, poucos dias depois de completar um ano da invasão russa.

"Nossos parceiros nos ajudaram. A UE (União Europeia) também venceu e, ao contrário das provocações de Moscou, não congelou sem o gás russo", destacou Kuleba.

Publicidade

"O caminho é longo até a vitória final. Mas já sabemos como vencer", disse.

O inverno na Ucrânia foi marcado por uma longa série de ataques russos com mísseis e drones explosivos a instalações de energia que causaram periodicamente cortes maciços de eletricidade e água potável.

Publicidade

Leia também

Os aliados ocidentais da Ucrânia forneceram progressivamente sistemas de defesa aérea e a Rússia reduziu a frequência e a magnitude de seus ataques.

Os combates estão concentrados no leste do país, principalmente em torno da cidade de Bakhmut, onde a situação é "extremamente tensa", segundo o Exército ucraniano.

Imagens contam história de um ano de guerra na Ucrânia

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.