Minas Gerais Lista expõe intimidade de mais de 100 mulheres em redes sociais

Lista expõe intimidade de mais de 100 mulheres em redes sociais

Polícia Civil de MG instaurou inquérito para desvendar autores

Lista pejorativa sobre mulheres viraliza em cidade do Sul de MG

Lista viralizou  nas redes sociais

Lista viralizou nas redes sociais

Reprodução

A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar os culpados pela elaboração e divulgação de uma lista que viralizou nas redes sociais, expondo inimidades sexuais e ofensas a mais de 100 mulheres de diferentes idades da cidade do Sul de Minas, onde residem cerca de 20 mil pessoas.

O conteúdo é uma espécie de ranking batizado como "TOP 100 put...de Muzambinho". Os nomes divulgados são acompanhados de apelidos pejorativos e expressões que ridicularizam as vítimas, como "a pior (na cama)" e "quem nunca".

Os envolvidos podem responder pelos crimes de calúnia, difamação, injúria, ameaça e até mesmo por falsa identidade, pois suspeita-se que o conteúdo começou a ser divulgado por meio de perfis falsos nas redes sociais.

A polícia local corre contra o tempo para identificar os autores. Isso porque o ranking não para de crescer e já chegou à cidade vizinha de Monte Belo, onde nomes foram acrescentados.

Uma das linhas de investigação concentra na possibilidade de os autores serem estudantes do ensino médio ou fundamental. A explicação é que muitas vítimas são adolescentes.

Enquanto há quem divulgue o ranking, há quem usa a internet para pedir respeito. É o caso dos administradores da página Muzambinho Mil Grau:

— Nós, administradores da página #MUZAMBINHO #MIL #GRAU, repudiamos veemente qual quer tipo de agressão contra a mulher, seja ela física ou psicológica. Respeito. O mundo seria melhor se todos soubesse e praticassem o significado desta palavra, principalmente para com a mulher, aquelas que nos geram, criam, trata-nos com tanto amor e ternura (...).

Augarde mais informações

    Access log