Internacional Milei diz que 'acabar com a inflação' na Argentina é 'prioridade máxima'

Milei diz que 'acabar com a inflação' na Argentina é 'prioridade máxima'

Plano do ultraliberal inclui desvalorização de 50% do peso argentino e prevê uma estrita redução de gastos

AFP
O presidente da Argentina, Javier Milei

O presidente da Argentina, Javier Milei

Juan Mabromata/AFP - 13/12/2023

O presidente da Argentina, Javier Milei, falou, nesta quinta-feira (15), pela primeira vez, sobre as medidas iniciais de um plano que seu governo apresentou nesta semana e cuja "prioridade máxima" é "acabar com a inflação".

Milei, ultraliberal de 53 anos, que assumiu o poder no último domingo (10), fez uma transmissão ao vivo nas redes sociais para apresentar um sorteio para entregar seu último salário como parlamentar, como fez durante os dois anos em que exerceu o cargo.

"Estamos totalmente focados em acabar com a inflação, acabar com a híper (inflação). Por isso fizemos um programa superortodoxo para acabar com o déficit fiscal e levar o déficit financeiro a zero", disse o mandatário.

O plano inclui uma desvalorização de 50% do peso argentino e tem prevista uma estrita redução de gasto, com a eliminação de subsídios ao transporte e à energia, com o objetivo de tirar o país do déficit fiscal.

"Minha prioridade máxima é acabar com a hiperinflação; hoje a inflação na Argentina está em 1% ao dia, isso quer dizer que a inflação está chegando a 3.678 anual", disse Milei em relação à sua projeção inflacionária anual, que em novembro de 2023 está em 160,9% interanual.

"Estamos fazendo um esforço enorme", disse o ultraliberal, assegurando que medidas tributárias impostas ao setor privado sejam "transitórias".

"Uma vez que ajeitemos a economia, vamos começar a acabar com todas essas coisas das quais os libertários não gostam", disse em referência ao aumento do imposto sobre exportação e a proposta de retomar um tributo sobre os lucros.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Milei, que durante a campanha sacudia uma motosserra para simbolizar sua ideia de cortes, reduziu o tamanho do Estado e paralisou as obras públicas.

A transmissão pelo Instagram foi vista por mais de 100 mil usuários. Entre os presentes no palácio presidencial da Casa Rosada estava sua irmã e secretária da Presidência, Karina Milei, ao lado de outros membros de sua equipe e um escrivão público, que supervisionou o sorteio.

Comediante e imitadora de Xuxa, Michael Jackson e Cristina Kirchner: conheça a namorada de Javier Milei

Últimas