MG Record Belo Horizonte aprova lei contra a violência obstétrica

Belo Horizonte aprova lei contra a violência obstétrica

Projeto protege mulheres de maus-tratos físicos ou psicológicos, antes, durante ou após o parto

Belo Horizonte aprovou uma lei contra a violência obstétrica, que é a prática de maus-tratos físicos ou psicológicos contra a mulher, antes, durante ou após o parto. A possibilidade de humanizar esse momento tão especial na vida das futuras mães teve impacto positivo entre enfermeiros e pacientes.

Assista outras reportagens do MG Record neste link.

Últimas