Minas Gerais Dez vítimas de acidente com ônibus em Minas seguem internadas

Dez vítimas de acidente com ônibus em Minas seguem internadas

Duas delas estão em estado grave, na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) do Hospital João 23, em BH; sete pacientes estão em João Monlevade

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Veículo caiu de ponte enquanto ia para São Paulo

Veículo caiu de ponte enquanto ia para São Paulo

Reprodução / Record TV Minas

Dez vítimas do acidente com um ônibus de viagem, em João Monlevade, a 117 km de Belo Horizonte, continuam internadas, seis dias após o veículo cair de uma ponte na BR-381.

Duas delas estão em estado grave, na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) do Hospital João 23, na capital mineira. São elas: um menino de 10 anos e um homem de 33 anos. Uma outra criança, de 7 anos, se recupera bem na enfermaria do Hospital Infantil João Paulo II, também em Belo Horizonte.

Leia também: Jovem dada como morta em queda de ônibus está viva em hospital

As outras sete vítimas estão no Hospital Margarida, em João Monlevade. São cinco homens com idades entre 19 anos e 65 anos, além de duas mulheres, com idades de 25 e 27 anos. Todos eles passaram por cirurgias e estão na enfermaria da unidade.

De acordo com a coordenação do hospital uma mulher de 25 anos poderá receber alta médica ainda nesta quinta-feira (10).

Acidente

As vítimas estavam no ônibus de viagem que caiu de um viaduto conhecido como Ponte Torta, na BR-381. O ônibus havia saído do Estado de Alagoas com destino à São Paulo.

Ao todo, 19 pessoas morreram no grave acidente. Os corpos das vítimas fatais foram enterrados, nesta quarta-feira (9). Quatorze pessoas foram sepultadas em Alagoas, uma na Bahia e quatro em São Paulo. 

Também nesta quarta-feira, peritos da Polícia Civil fizeram a reconstituição da dinâmica do acidente. O motorista do veículo, um dos 13 sobreviventes da tragédia, participou dos trabalhos dos agentes. O laudo deverá ficar pronto somente em 2021.

*Colaborou o estagiário Caio Augusto

Últimas