Autos Carros Pela sexta vez no ano Corolla tem aumento de preços

Pela sexta vez no ano Corolla tem aumento de preços

Sedã mais vendido do mundo agora ultrapassa os R$ 150 mil no Brasil

undefined

undefined

Marcos Camargo Jr

A vida não está fácil para os interessados em adquirir o novo Toyota Corolla. Pela sexta vez no ano, o sedã mais vendido do mundo recebe aumento de preços no Brasil. Há menos de um mês a montadora japonesa já havia elevado o preço do Corolla e essa semana, mais uma vez, agora com aumentos entre R$ 3.300 e R$ 4.500, dependendo da versão.

Quando foi lançada a atual geração, no ano passado, o Corolla custava entre R$ 99 mil e R$ 130 mil na versão topo híbrida com teto solar. Hoje o carro parte de R$ 114.590 na versão GLi 2.0 CVT e pode chegar R$ 154.390 na versão Hybrid 1.8 Premium.

Versão de entrada passa dos R$ 110 mil

Versão de entrada passa dos R$ 110 mil

marcos camargo jr

A versão de entrada foi a que sofreu o menor aumento, levando em consideração os preços do último mês. A configuração GLi subiu R$ 3.300. Em todas as versões que não são híbridas o sedã vem equipado com motor 2.0 Flex aspirado de 177 cv a 6.600 rpm e 21,4 kgfm, trabalhando sempre com câmbio automático CVT que simula 10 marchas.

A versão intermediária XEi, recebeu um aumento de R$ 3.700, custando agora R$ 126.590. Ou seja, atualmente ela está mais cara que a versão híbrida quando foi lançada. A versão topo de linha Altis na versão Flex e Hybrid recebeu um aumento de R$ 4.300, passando a custar R$ 146.390, as duas.

Configuração Altis Híbrida ultrapassa os R$ 150 mil.

Configuração Altis Híbrida ultrapassa os R$ 150 mil.

Marcos Camargo Jr

Porém a versão Altis 1.8 Hybrid Premium recebeu o maior aumento da linha (R$4.500), passando a custar agora R$ 154.390, o que a torna a primeira versão do carro a passar a barreira dos R$ 150 mil.

*Por Guilherme Magna

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas